A Região


 

img_regiao

Rodeadas a poente pelas serras do Caramulo e Buçaco e a leste pela Estrela, que as protegem dos ventos oceânicos, as “Terras do Dão” são uma das mais antigas regiões demarcadas de Portugal.

As Terras do Dão correspondem à antiga Beira Alta e são caracterizadas pelos verões quentes e secos e os invernos chuvosos. Situam-se, na sua maioria, entre os 400 e 700m de altitude, e os seus solos são maioritariamente graníticos, sendo xistosos na zona sul. São solos acidificados, pouco férteis, condições que são extraordinárias para a produção de um vinho com grande longevidade, elegância e frescura.

“Os longes esfarelavam-se num luaceiro grisalho, como de moinha ao vento; mas, a todo o largo da mirada, a terra descobria-se com os mouchões das leiras a reluzir prateados ao luar e os regos coalhados de tinta negra.”

– Terras do Demo, Aquilino Ribeiro –

Castas tintas predominantes:

  • Alfrocheiro
  • Tinta Roriz
  • Jaen
  • Touriga Nacional.

Castas tintas predominantes:

  • Encruzado
  • Malvasia-Fina
  • Gouveio